Arquivo da tag: Toei

Ginga Senpuu Braiger (銀河旋風ブライガー)

Bryger poster

  No ano de 2111 o sistema solar está sendo colonizado, mas paralelamente o poder das organizações criminosas conhecidas Connections vem crescendo e se enraizando nos governos. Isaac Godonov cria o J9, grupo formado por ele, Blaster Kid, Steven Bowie e Angel Omachi, grupo que está sempre pronto para ação pelo preço (e motivações) certas. Para cumpri-las contam não só com suas habilidades, mas com o carro/nave/mecha Bry-thunder.

  Braiger é a primeira saga da trilogia “J9”, sendo sucedida por Ginga Reppuu Baxinger e Ginga Shippuu Sasuraiger, séries conhecidas pelo estilo e a trilha sonora espetacular. Yuu Yamamoto é o criador da franquia e responsável pela composição das séries, além de estar por trás do ressurgimento dos J9 previsto para 2016. Continuar lendo Ginga Senpuu Braiger (銀河旋風ブライガー)

Anúncios

Joshuu 701-Gô:Sasori (女囚701号:さそり) [1972-1973]

scorpion-prisoner701-poster1

  Pink Eiga é uma categoria de cinema japonês (talvez o mais correto seja um movimento) que abrange uma variedade de gêneros, tendo o erotismo como principal característica pelo que compreendi. Na década de 70 a Toei produziu diversos longas dentro desta categoria, gerando a subcategoria pinky violence. São filmes de exploitation (outra categoria bem abrangente, relacionada a exagero em violência e sexo geralmente), com protagonistas femininas fortes, violência e erotismo. Alguns dos maiores representantes deste pinky violence são os filmes da franquia Joshuu 701-Gô:Sasori (Prisioneira 701: Escorpião), especialmente os quatro primeiros, lançados entre 1972 e 1974, dos quais trata o post.

  Baseados no mangá homônimo de 1970 de Tohru Shinohara, focam na saga de Nami Matsushima, apelidada de Sasori na prisão, onde torna-se endurecida e mortal devido aos inúmeros abusos que sofre. A série tem a vingança como um dos principais temas, relacionado principalmente a opressão masculina sofrida pela protagonista.

   Embora os filmes sejam continuação direta uns dos outros, não é obrigatório assisti-los em ordem. Funcionam como contos no mesmo universo, sendo diferentes inclusive em gênero cinematográfico. Além da protagonista, os filmes possuem em comum a atriz principal Meiko Kaji  e os 3 primeiros a direção por Shunya Itou.

   É difícil saber o quanto é fiel ao mangá ou até sobre a qualidade deste, já que não encontrei nada sobre na internet, apenas que ele parece ter sido popular. O  sucesso de Sasori incentivou outras adaptações cinematográficas de obras de Tohru Shinohara como Zero Woman.

Continuar lendo Joshuu 701-Gô:Sasori (女囚701号:さそり) [1972-1973]

Superflat Monogram

Superflt Monogram

Link para o curta:

http://www.catsuka.com/player/superflatmonogram

  Adorável e colorido curta de 2003 criado pelo artista plástico japonês Takashi Murakami, dirigido por Mamoru Hosoda e produzido pela Toei Animation. Curta é um comercial para a Louis Vuitton, exibido nas lojas japonesas da marca na época, mas a boa animação e imaginação dão a ela um charme especial.

  Superflat é o nome do movimento artístico criado pelo próprio Murakami influenciado pelas artes gráficas planas da cultura pop japonesa, sobretudo dos animes e mangás, além de criticar a rasa cultura de consumo japonesa.

  A música é “Different Colors” do Fantastic Plastic Machine.

Mais exemplos de arte “Superflat” – http://www.cartridgesave.co.uk/news/15-inspired-artworks-from-japans-superflat-movement/