Chihayafuru (ちはやふる )

chihayafuru1

Gênero: Jousei/Esporte
Formato: Série
Episódios: 2 temporadas com 25 episódios cada + 1 OVA (em andamento)
Estúdio: Madhouse
Ano: 2011-2013
Direção: Morio Asaka

  A pequena Ayase Chihaya não sabia o que era possuir sonhos próprios, até ser apresentada ao karuta (um jogo de cartas envolvendo poemas antigos, mais sobre ele abaixo) por Wataya Arata no ensino fundamental. Ela decide se tornar a melhor jogadora de karuta do Japão (e consequentemente do mundo), e junto de Arata e  Mashima Taichi, seu melhor amigo, treina com dedicação. Os 3 se separam ainda no fundamental por diversos motivos, mas agora no ensino médio, a paixão de Chihaya por karuta vai voltar a aproximá-los.

  Baseado no mangá homônimo de Yuri Suetsugu, Chihayafuru tem sua maior força na construção de personagens e relações cativantes, sem apelos exagerados ao melodrama ou romance. É o tipo de série que vai nos tornando “amigos” dos personagens e nos faz torcer genuinamente pelo seu sucesso. Apesar da protagonista Chihaya ser uma garota adorável e carismática, o personagem mais interessante é Mashima, que evolui bastante na série devido as barreiras familiares e pessoais que enfrenta, além de ser o mais “real” entre os 3 principais.

 

  O karuta é uma espécie de jogo da memória, da qual existem diversas modalidades. Na série o mais mostrado é o karuta competitivo, que utiliza 100 poemas de vários autores compilados pelo poeta Fujiwara no Teika no início do século 13. Simplificando, consiste em tocar antes de seu adversário a carta que contém a continuação do poema lido em voz alta por um terceiro sujeito. Durante o anime o funcionamento é bem explicado, e a personagem Kana Oe se encarrega de contextualizar historicamente os poemas, até explicando alguns. Toda essa atenção torna a série recomendável para amantes da cultura japonesa.

  Felizmente a equipe da Madhouse não poupou esforços para tornar a experiência do jogo divertida, com diversos efeitos visuais e ângulos de câmera interessantes, que conferem dinamismo e emoção as partidas. As estratégias e monólogos internos dos personagens podem ficar confusas durante as partidas para quem não conhece bem o idioma japonês, pois há uma forte relação com o jogo, mas o clima de tensão é bem feito o bastante para não se perder nestes momentos. A qualidade do visual também está presente fora das partidas, e o traço e cores vibrantes certamente irão agradar amantes de shoujo.

  A série tem uma queda de ritmo na 2ª temporada, devido a um longo campeonato de karuta e novos personagens coadjuvantes mais fracos que os da 1ª, mas quando foca no relacionamento entre os seus personagens, continua irresistível. Atualmente as 2 temporadas estão disponíveis via streaming pelo Crunchyroll.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s